Textos para Discussão V. 25

Imprimir

Resumo

O artigo descreve a trajetória do sistema de conservação patrimonial do sítio histórico de Olinda e, identifica os impactos do sistema na ocupação do solo e na arquitetura do sítio.

A análise do processo de conservação do sítio histórico de Olinda foi realizada segundo um esquema histórico-analítico que trata do contexto do desenvolvimento do SH, seu sistema de gestão e os impactos sobre o patrimônio construído. Periodizam-se as políticas de planejamento nos anos 1938 – 1968: a preservação monumental; 1969 – 1988: a política municipal de preservação; 1989 – 1996: o desmonte do Sistema de Preservação; 1997 – 2006: Os planos diretores, projetos urbanos e incentivos à cultura. Dentre as conclusões, fica demonstrado que a gestão municipal tem-se pautado pela noção de oportunidade, ficando evidente a ausência de uma visão prospectiva e de planejamento estratégico.

Sílvio Zancheti e Vera Milet

Texto discussão 25