Usos e ocupação atuais

E-mail Imprimir

Apesar da redução da significância da vida religiosa na sociedade atual, os franciscanos conseguiram manter por mais de quatro séculos o uso religioso do Conjunto Franciscano, com missas acontecendo aos domingos.O convento possui seis frades que residem nele permanentemente e quatro funcionários encarregados dos serviços gerais.

O convento ainda abriga o curso de teologia do Instituto Franciscano de Teologia de Olinda (IFTO), que conta com setenta alunos e objetiva a formação de novos quadros religiosos. O curso ocupa três salas de aula existentes no primeiro pavimento, alem de salas para secretaria, para professores. O curso ainda não funciona como é desejado em termos de infra-estrutura e existe a necessidade de expansão, visto a entrada de novos alunos de diversas regiões do Nordeste.

O convento é aberto à visitação turística, sendo um das principais atrações turísticas de Olinda, chegando a receber 4.000 turistas por mês, entre os meses de janeiro e março. Os visitantes têm acesso apenas ao térreo, incluindo a nave da igreja, à sacristia, à Capela de Santa Ana, ao claustro e ao terraço. O convento é utilizado ainda para casamentos, recepções, seminários e encontros de empresas, com recepções que podem chegar a300 ou 400 pessoas circulando entre a igreja, o claustro e o terraço.

Portanto, diante da já referida redução da atividade religiosa, o convento apresenta grandes espaços ociosos no seu dia-a-dia. As funções permanentes e temporárias que ele abriga acontecem de forma precária, necessitando de investimentos e melhorias para que desempenhem adequadamente sua função. O convento oferece espaços únicos e de singular beleza artística para eventos, mas eles carecem de uma infra-estrutura de suporte apropriada, como banheiros, cozinha e espaços para estoque, no caso de recepções de maior porte.

 
Você está aqui: Home O Convento Franciscano Usos e ocupação atuais